Um guia rápido para comprar um bom smartphone para o trabalho

Um guia rápido para comprar um bom smartphone para o trabalho

Cada vez mais pessoas estão usando smartphones como ferramenta de trabalho. Esses dispositivos alcançaram potência e uma grande diversidade de aplicativos, e é por isso que se espera que eles se tornem cada vez mais importantes no mercado de trabalho.

No entanto, encontrar o melhor celular para trabalho pode ser difícil. Embora não seja necessário especificar, o melhor celular para o trabalho dependerá do trabalho específico para o qual ele está sendo usado.

Isso torna impossível recomendar modelos que funcionem para todos, dada a enorme variedade de usos que os smartphones podem ter no trabalho. É por isso que mantemos nossas descrições detalhadas, para que você possa descobrir por si mesmo no que deve se concentrar para o seu próximo dispositivo.

Table
  1. Uma dica básica para fazer a escolha certa
  2. O processador
  3. A câmera

Uma dica básica para fazer a escolha certa

É possível obter um celular para trabalho barato e de muito boa qualidade para isso se fizermos uma pesquisa específica.

Cada componente de um telefone celular - a câmera, o processador, o armazenamento - tem um custo. Muitos modelos de celular para trabalho conseguem manter os preços acessíveis se especializando em um desses componentes.

Tentaremos mostrar a seguir, quais partes do dispositivo dependem de qual desempenho em diferentes aspectos, para que você entenda o que deve procurar.

No final de cada uma das seções do artigo, colocaremos os valores de referência das diferentes partes que compõem o melhor celular para trabalho é estudo. Dessa forma, se você quiser pular a explicação, poderá ir diretamente para lá.

O processador

O processador determinará a velocidade do dispositivo. Ele é o cérebro do smartphone e é nele que é feita grande parte do "trabalho" necessário para executar os diferentes aplicativos.

Portanto, podemos dizer que o processador nos informa a velocidade, o que é essencial em um celular para trabalho pesado. Embora, para isso, a memória RAM também desempenhe um papel importante.

Há três aspectos que podemos observar para saber a velocidade de um processador. Em primeiro lugar, há o número de núcleos. Cada um dos núcleos do processador executa as "tarefas" que acionam todo o dispositivo.

Quanto mais núcleos, mais rápido ele funcionará e melhor será em multitarefas, uma das funções mais relevantes para um smartphone para trabalho pesado.

Por outro lado, temos a velocidade do clock. Ela é medida em Ghz e nos informa a velocidade de funcionamento de cada núcleo. Para ter uma boa ideia da velocidade, temos que multiplicar a quantidade de Ghz pelo número de núcleos.

Embora isso possa variar, pois alguns processadores têm velocidades de núcleo diferentes. Entretanto, qualquer um dos top 10 melhores celulares para trabalho têm pelo menos 8 núcleos.

Por último, temos a arquitetura do processador. Não vamos nos aprofundar muito nisso, mas, para simplificar, é um pouco como a "marca" do processador. Processadores diferentes têm reputações melhores ou piores.

Depois disso tudo, você deve estar se perguntando: “o que é um Celular para trabalho?" Esse tipo de dispositivos é conhecido por ser especializado em lidar com uma grande quantidade de dados ao mesmo tempo. Na maioria dos casos, eles são usados em conjunto com computadores de alto desempenho.

Como é possível que tenhamos nos tornado muito técnicos, agora tentaremos resumir tudo isso o máximo possível:

  • Número de núcleos: quanto mais núcleos, melhor a multitarefa. Os melhores computadores têm 8 núcleos; um número decente de médio porte pode variar de 4 a 6. Menos de 4 núcleos não é recomendado.
  • Velocidade do clock: indica a velocidade do processador. Um computador de ponta tem por volta de 3,0 GHz e os mais avançados podem ter até 3,5 GHz. A maioria dos computadores tem entre 1 e 2 GHz.
  • Arquitetura: alguns dos melhores processadores atuais são Snapdragon, Dimensity, Exynos e Bionic (Apple).

A câmera

Vamos passar para a câmera. Aqueles cujo trabalho se relaciona com o uso da câmera provavelmente estão procurando o melhor celular para trabalhar com redes sociais.

Ter no bolso uma ferramenta capaz de tirar ótimas fotos facilita muito qualquer trabalho de gerenciamento de mídia social.

A rigor, o melhor celular para trabalhar com redes sociais 2023 deve ter um zoom ópico. Essa é, muitas vezes, a parte que separa uma boa câmera de outra, especialmente se estivermos falando de modelos topo de linha.

Há dois tipos de zoom em smartphones: zoom digital e zoom ótico. O zoom ótico amplia a imagem aproximando fisicamente com a lente, da mesma forma que um telescópio, por exemplo.

O zoom digital, por outro lado, aumenta a imagem ampliando a foto a ser tirada. A diferença pode parecer pequena, mas é importante quando se procura como escolher o melhor celular para trabalho.

Uma imagem é feita de pixels. Depois que a foto é tirada, ela tem um número de pixels que não pode ser ampliado. O que o zoom digital faz é cortar a parte da imagem que está sendo ampliada, o que reduz o número de pixels e, com isso, a qualidade da imagem.

Por outro lado, quando aplicamos o zoom ótico, estamos tirando uma foto sem perder a qualidade da imagem, pois o zoom é feito pela própria lente. Isso significa que o melhor celular para trabalhar 2023 em redes sociais deve ter zoom ótico.

Vamos passar para a versão simplificada:

  • Zoom ótico: permite ampliar a imagem sem perder a qualidade. É mais eficiente que o digital, mas também mais caro.
  • Zoom digital: o tipo mais comum de zoom, funciona ampliando a imagem. Sempre há uma perda de qualidade.

Com isso, concluímos este artigo. Esperamos que essa informação facilite sua próxima compra. No entanto, não podemos deixar de lembrar que isso é apenas a ponta do iceberg. Ainda há muito mais para aprender sobre a tecnologia de smartphones. Porém, acreditamos que fizemos uma boa introdução.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Go up